VoupraRoma

Grécia sem inglês. Tá falando grego?

Viajar para a Grécia sem falar inglês?

Será que dá? 

 

Viajar sem saber falar inglês e ainda para a Grécia.

Vai falar grego?  Veja o que pode acontecer…

Não é uma tarefa fácil!

Fiz esta viagem para a Grécia em 2010 e não sabia muito de inglês, somente aquele basicão da época de escola.

E aí #deuruim e rolou o maior perrengue!

 

Esta é mais uma Blogagem Coletiva #deuruim – Vários blogs juntos contando os seus perrengues de viagens. Afinal, quem nunca passou um perrengue?

blogagemcoletiva - perrenguesdeviagem

Muitas pessoas tem medo de viajar para outros países por não conhecer a língua e achar que será um “bicho de sete cabeças.” Esqueça e se joga… O grande segredo é levar tudo na brincadeira, usar as mãos, fazer gestos e se virar. Vai por mim, dá para viajar sem saber a língua e ainda pode ser muito divertido.

ACRÓPOLE-GRÉCIA

ACRÓPOLE-GRÉCIA

“Senta que lá vem a História”…kkk

Em 2010, eu e uma grande amiga estávamos passando por um momento de mudanças na vida e resolvemos viajar juntas.  Na primeira parte da viagem estava também a minha irmã que fala muito bem inglês. Fizemos algumas cidades juntas, Praga, algumas cidades da Alemanha, etc… Depois disso a minha irmã voltou ao Brasil e nós decidimos ir à Grécia. Eu disse para minha querida amiga que meu inglês era aquele da época de escola. Ela me disse que havia feito três meses de um curso particular e que dava para se virar. E lá fomos nós felizes conhecer a Grécia.

Bilhetes comprados, reservamos um Hostel em Atenas e partimos.

Chegamos! Viva a Grécia!

GRÉCIA - foto Ana Venticinque

GRÉCIA – foto Ana Venticinque

Chegando ao aeroporto já para fazer a primeira pergunta ela vira e me diz que era melhor eu falar, pois ela tinha se bloqueado. Para tudo!!!  Senta e chora… kkkk

Eu com meu livrinho Inglês para viagens, pois naquela época nem tínhamos estes celulares de hoje. Enfim, se vira…

Eu disse a ela: Presta atenção na resposta, vou perguntar.

Perguntei como chegar ao hostel, e entendi que deveríamos pegar um ônibus que nos deixaria no centro e depois Keep walking…  Tudo ok até aí.

Quando descemos do ônibus com o mapa da cidade e o endereço do Hostel, começou o perrengue total! Perguntei mostrando o mapa, como poderíamos chegar ao hostel. E a resposta foi em “grego-inglês” (um inglês com sotaque grego). A respota foi:

” Three ….????”  A segunda palavra era desconhecida.

Não era minutos, não era quilômetros, não era nenhuma das palavras que eu conhecia. Kkk  Perrengue!

Nós duas ríamos de passar mal… 

Falei que a palavra deveria ser quadras, neste caso três quadras estava ótimo e lá fomos nós felizes e rindo muito puxando as malas pelas ruas. Passadas as três quadras não chegamos a lugar nenhum. Lá fui eu com o mapa perguntar novamente… E a resposta foi: A mesma!  Ahhhhhh perrengue duas vezes! E agora?  Resolvemos caminhar mais um pouco, pois as pessoas apontavam naquela direção. E assim foi por mais um longo tempo perguntando, não entendendo e continuando arrastando as malas, pois a direção estava correta. Só sei que caminhamos muito.

Chegamos e o Hostel estava numa rua macabra. Muitos jovens drogados pelas calçadas, esta foi a nossa primeira paisagem da Grécia!  A Grécia estava passando por um momento tenso, em pleno início da grande crise. As ruas com manifestações, o metrô em greve, enfim uma confusão .

Resolvemos nem sair a noite, pois era bem estranho o local, compramos um lanche e fomos para o nosso quarto.  Depois de rir muito, concluí que a palavra deveria ser milhas, ou talvez bairros, kkk

Mais um detalhe. Logo quando chegamos ao Hostel, tinha acabado de chegar uma senhorinha super simpática argentina de uns 70 anos que estava viajando sozinha, uma mochileira da terceira idade! Ela vira e diz: “Posso fazer os passeios com vocês? Pois não sei falar inglês.” Não sabia se ria ou chorava. Eu disse a ela que eu falava muito pouco. Moral da História ela foi nossa companheira de viagem. Mais uma que não falava inglês para a coleção! Kkk Mas ela era uma graça!

No dia seguinte saímos do hostel para visitar a Acrópole de Atenas. Tudo ok, o metrô já funcionava, o grego que trabalhava lá nos explicou pelo mapa e conseguimos chegar bem tranquilo.

Acropole-Grecia - voupraroma

Acropole-Grecia – voupraroma

Acrópole é maravilhosa! Uma vista incrível. Neste dia estava uns 40 graus na sombra. A senhorinha o tempo todo me pedindo para perguntar as coisas e eu explicando a ela que não sabia perguntar tudo, só o básico, kkk Nos divertimos apesar dos perrengues.

MYKONOS - GRÉCIA - foto Ana Venticinque

MYKONOS – GRÉCIA – foto Ana Venticinque

Depois fomos a Mykonos, Santorini, Paros, tudo isso apenas com o meu inglês “macarrônico”. Tivemos vários perrengues nesta viagem. Olha aí eu e minha querida amiga em Santorini!

SANTORINI - GRÉCIA

SANTORINI – GRÉCIA

Uma passagem muito divertida, em Mykonos, foi quando a minha amiga resolveu comprar peito de peru e eu disse a ela que não lembrava como era peru em inglês. Ela simplesmente vai ao balcão dos frios e chama o rapaz e começa a imitar um peru, natendo asas e fazendo até o som glugluglu… Nunca ri tanto na minha vida!

O supermercado parou, todos rindo e a minha querida amiga lá no maior teatro! Foi uma das viagens mais divertidas da minha vida! Olha a Little Venice em Mykonos que lindo!!!

LITTLE VENICE – MYKONOS – GRÉCIA – foto Ana Venticinque

 

Moral da história: Com perrengue ou sem perrengue, viaje!

O grande segredo é levar tudo na brincadeira, usar as mãos, fazer gestos mesmo, sem medo de ser feliz!  

Hoje já falo bem melhor, mas não sou fluente não, apenas sobrevivo e continuo viajando assim mesmo.

E hoje temos os aplicativos e tradutores no celular, é tudo bem mais fácil.

Vá viajar com tudo organizado, assim mesmo sem saber a língua você não terá problemas. E ainda pode conhecer lugares lindos como este! 

SANTORINI - GRÉCIA - foto Ana Venticinque

SANTORINI – GRÉCIA – foto Ana Venticinque

Antes de viajar:

Contrate o seu Seguro Viagem através da Real Seguros que te dá um comparativo das melhores empresas seguradoras e ainda oferece ótima condições de pagamento e descontos.

Seguro viagem geral 468x60
Reserve o seu hotel aqui pelo Booking.com que é um dos melhores sites de reservas de hotéis e um parceiro do blog. Desta forma você dá uma forcinha para o blog e pra você não custa nada a mais. Reserve por aqui: 


Booking.com


Dica: Veja sempre a localização também e como chegar do aeroporto até o seu hotel. Hoje em dia você pode encontrar todas estas informações muito facilmente nos blogs de viagem. Este Post faz parte de uma blogagem coletiva. Veja também os perrengues dos blogs amigos, no mínimo você vai se divertir e ainda aprender algumas boas dicas!

Casal CalifórniaPerrengues de Viagem: muitas histórias para contar

Destinos por onde andei…Tax Free, nunca mais embarco nessa canoa furada

Pequeno Grande MundoO dia em que quase fui atropelada por um elefante

Vida de EstrangeiraPerrengue na Turquia

Ligado em ViagemNosso “Kit Viagem” para evitar perrengues

Foco no MundoOs piores perrengues das minhas viagens

Felipe, o pequeno viajanteColetânea de perrengues do pequeno viajante

Atravessar FronteirasPerrengue total na união entre cinzas vulcânicas e Aerolineas Argentinas

DespachadasColetânea de Perrengues de viagem Despachadas

Passeiorama - Perrengando por aí: nossos perrengues viajando em família

Família ViagemNossos perrengues de viagem

Mochilão Barato - Fiquei doente no exterior! E agora? Os dias que fiquei de cama no Chile.

Por aí com os PiresPerrengues de viagem – Blogagem coletiva<

Novo CaroneiroDeu ruim! Blogagem coletiva de perrengues de viagens

Colecionando Ímãs - Viajando com a Ethiopian Airlines: perrengue a caminho do Japão!

O Melhor Mês do AnoTorres del Paine: acampando sob chuva e ventos de 100km/hr

Volto LogoSobre a importância de reservar hospedagem e pesquisar os feriados do seu destino

Turista FulltimeVoo cancelado e os oito passos para driblar o perrengue

Apure Guria! - Perrengues na Ásia: deu ruim!

Viajei BonitoNossos 15 dias de desventuras na Rússia

 

 

 

 

 

31 comentários sobre “Grécia sem inglês. Tá falando grego?

  1. Gustavo Woltmann

    Eu comecei a ler e achei que a senhora solitária falasse inglês, quando vejo, é mais uma para o grupo kkk. Mas deu certo, isso que importa.

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá Gustavo,
      kkkk pois é… meu inglês é somente para me virar em viagens… Hoje em dia já melhorou um pouquinho, mas o importante é viajar!
      Bacio di Roma
      Ana

  2. patricia sales de souza

    oi ana

    adorei sua historia, com certeza valeu a pena todos os perrengues
    eu to pretendendo viajar em mar/2016, para grecia e ficarei hospedada na casa de um amigo em atenas. nunca sai do brasil e estou morrendo de medo, mas com uma vontade enorme de ir. vc poderia me dizer o que eu devo fazer em relaçao ao meu celular? como farei para que la na grecia u tenha internet sem estresse e possa utilizar o tradutor ? kkk meu pavor e esse. minha operadora e OI. me de umas dicas quanto a isso por favor.

    obrigada e bjs

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá Patrícia,
      Olha eu não usei celular na Grécia, mas com certeza você pode chegar lá e comprar um chip grego no próprio aeroporto. Dá uma perguntada para o seu amigo que mora lá e deve saber a melhor opção de operadora local. Aí logo que chegar compra e pronto, terá internet para se virar.
      Bacio di Roma
      Ana

  3. Wemerson

    Ola Anna,

    Eu e minha noiva vamos passar a lua de mel na Grécia olhamos alguns pacotes de viagem, mas estamos com medo porque nal sabemos falar inglês, nada de nada.

    Mas com o seu depoimento deu ate um ânimo maior, kkkk, mas com a tecnologia que temos hoje acho q e um pouco mais fácil, pois os celulares ajudam muito.

    Mas vamos na cara e coragem.

    Gostei muito da sua história.

    Acho q vou me divertir muito também.

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá Wemerson,

      Que legal! Vocês com certeza irão se divertir muito! Tem mesmo que ir e no final a gente se faz entender. Gestos + muita diversão esta é a receita!
      Apenas veja as informações antes de ir, como chegar do aeroporto ate o seu hotel, como usar os Transportes etc.
      Tem vários blogs de brasileiras sobre a Grécia. Pesquise e vá com tudo organizado, assim não precisa pedir muita informação e fica mais fácil.
      Boa viagem pra vocês!
      Ana

  4. Stephanie

    Ai Aninha, essa da sua amiga imitando o peru foi a melhor!!!! Mas tenho certeza que vocês se divertiram pacas com as cenas…hahaha Sabe que uma vez fui pra França com a minha mãe e fizemos todos os passeios de forma independente. Aí num dos dias fomos ate Fontainebleu (pra visitar o castelo) e como era hora do almoço, fomos comer num desses restaurantes de família sabe? Menina, ninguém falava Inglês lá e eu só sabia falar umas 2-3 frases em Francês. Foi um desespero! A garçonete fez umas imitações pra ajudar a gente escolher os pratos…que piada! Meio que escolhi na sorte minha comida e quando chegou, ovo cozido com tomates! A única comida que acertei foi a sobremesa, que pedi Peti gateau pra não ter erro…hahaha Beijão!!!

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá Alexandra,

      hahaha, o bom de viajar é isto. Rir, curtir e conhecer… A Grécia é única! Ainda volto pra fazer mais algumas ilhazinhas…
      bjs
      Ana

  5. Elka

    Olha viajem como vcs puderem,deixem de comprar coisas de marcas etc, que a melhor bagagem que levamos conosco é oque nossos olhos vêem e nossa alma respira…

  6. Edson

    Apesar do perrengue de não falar inglês, que história gostosa de ler. Ainda mais com a participação da mochileira da 3a. idade.

    Muito gostoso quando nos divertimos e sobram boas memórias de momentos assim.

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá Edson,
      Desculpa a demora na resposta…enroladaaaaa pra varia..rsrsrs
      Obrigada! A viagem foi mesmo maravilhosa apesar de perrengue com a língua, acho que no fim foi isso que tornou a viagem inesquecível. E a nossa mochileira da terceira idade foi uma ótima parceira…era super divertida.
      bjs
      Ana

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>