VoupraRoma

Tivoli, bate e volta pertinho de Roma

Tivoli, conhecendo Villa d’Este e Villa Adriana.

Bate e volta perto de Roma, Tivoli – Villa d’Este e a Villa Adriana

Um passeio Imperdível, obras de arte a céu aberto!

 

Vamos começar conhecendo a Villa d’Este.

 

Villa d’Este faz parte da lista de Patrimônio Mundial da UNESCO e é uma das principais obras do Renascimento Italiano.

 

Confesso que já fui muitas vezes, pois faço questão de levar para conhecer, todos os meus amigos e parentes. Pra mim é um dos “Bate e Volta” mais interessantes perto de Roma.

 

ENTRADA - FOTO Ana Venticinque

ENTRADA – FOTO Ana Venticinque

Começamos a visita pelo interior do Palácio que é todo decorado com afrescos, mas com o passar dos anos acho que perdeu um pouco de suas cores.

 

Faça uma breve visita ao interior e saia para conhecer os jardins… 

Exuberantes terraços e jardins construídos nas encostas naturais, muitas fontes fantásticas e grandiosas, cavernas, jogos de água, tanques. É indescritível, só mesmo vendo. São mais de 200 jatos, 100 tanques e 50 fontes. Você vai se perguntar: Mas de onde vem tanta água? As fontes são alimentadas pelo rio Aliene, um dos afluentes do Rio Tevere.

 

Agora sim começa um lindo e inesquecível passeio…

LE PESCHIERE, VISTA DO ALTO - FOTO Ana Venticinque

LE PESCHIERE, VISTA DO ALTO – FOTO Ana Venticinque

Le Peschiere – Estes três enormes tanques, ainda hoje repletos de peixes, na época, serviam como uma distração aos hóspedes da Villa, para a prática da pesca, enquanto relaxavam em meio aos jardins. Imaginem que vida dura!!! Caminhando até o último tanque, você terá a vista panorâmica da cidade.

LE PESCHIERE - FOTO Ana Venticinque

LE PESCHIERE – FOTO Ana Venticinque

Fontana dell’Organo, fantástica fonte que tem um mecanismo interno acionado pela água, um órgão hidráulico, que é ativado à partir das 10:30h a cada duas horas, emitindo musica, é show!!! Não deixe de ver ou melhor, ouvir ou melhor ainda, os dois..rsrs E depois logo abaixo da Fontana dell’Organo está a Fontana di Netuno.

LÁ NO ALTO A FONTANA DELL'ORGANO - FOTO Ana Venticinque

FONTANA DI NETUNO E FONTANA DELL’ORGANO AO ALTO- FOTO Ana Venticinque

Fontana dell’Ovatto, Caracterizada por um formato especial, é a Fontana da Villa em estilo Barroco, graças ao efeito criado por suas rochas e pedras. Para mim a mais bonita da Villa! 

FONTANA DELL'OVATTO - FOTO Ana Venticinque

FONTANA DELL’OVATTO – FOTO Ana Venticinque

Fontana dei Draghi, segundo a lenda foi construída em apenas uma noite, foi um presente ao Papa Gregório XIII, está bem ao centro da Villa.

FONTANA DEI DRAGHI - FOTO Ana Venticinque

FONTANA DEI DRAGHI – FOTO Ana Venticinque

Le Cento Fontane, Lindíssima… Projetada por Pirro Ligorio, tem 100 metros de extensão. Super bonita iluminada!

11070707_1021597884534905_443983957_o

LE CENTO FONTANE – VISTA NOTURNA – FOTO Ana Venticinque

Fontana dell’Abondanza. Uma imagem feminina com vários seios, simboliza a fertilidade da natureza e do fluxo ininterrupto da vida.

FONTANA DELL'ABONDANZA - FOTO Ana Venticinque

FONTANA DELL’ABONDANZA – FOTO Ana Venticinque

São Muitas…Fontana della Rometta, Fontana della Civetta, além de tantas outras grutas, estátuas, fontes, sem contar as árvores seculares.

GRUTA - FOTO Ana Venticinque

GRUTA – FOTO Ana Venticinque

Não sei dizer se é mais bonito de dia ou de noite… Difícil escolher!

Mas, se você tem que escolher, te dou algumas dicas:

 

Primavera – De dia, ainda mais na primavera, é de babar! Quando está tudo florido,tulipas coloridas, tudo muito verde, as enormes fontes rodeadas de flores, uma mais bonita que a outra. É lindíssimo!

Verão – Com um dia de sol tudo fica lindo! Porém, lembre-se que é bem quente nesta época do ano, chegando a fazer 40 graus ou mais. Roupas levas e sapatos confortáveis, água e bora curtir este lugar incrível!

Outono – Vá de dia, é também interessante ver a natureza mutante em tons de amarelo…

Inverno – Se for um dia ensolarado vale a pena, leve em consideração que os dias são mais curtos e vá logo cedo. 

Informe-se antes de ir se alguma fonte está em restauração, no site oficial da Villa D’este.

 

Você também vai se surpreender com as fontes iluminadas, é fantástico!

Dá uma olhadinha na Villa d’Este à noite.  

                      

Vamos conhecer também um pouco da história:

O cardeal Ippolito II d’Este, após a decepção de não ter sido escolhido como Papa, resolveu dar vida nova à Villa, e como governador de Tivoli, em 1550, teve a ideia de criar Jardins suspensos nas encostas do Valle Gaudente, mas somente em 1560 são iniciados realmente os trabalhos com projeto de Pirro Ligorio e realização de Alberto Galvani. Em 1572 morre o cardeal Ippolito II d’Este, e somente em 1605 o cardeal Alessandro d’Este, reinicia as obras restaurando e cria diversas inovações nos jardins e nas fontes. Entre 1660 e 1670 foram realizados vários outros trabalhos por ninguém menos que o grande Bernini.

Já no século XVIII com a falta de manutenção o local entrou em decadência, e foi abandonado, sendo as estátuas antigas transferidas para outros lugares. Este estado de abandono continuou até a metade do século XIX, quando o cardeal Gustav Von Hohelohe, realizou uma série de trabalhos para a recuperação da Villa que voltou a ser ponto de referência cultural.

Quando estourou a primeira guerra mundial, a Villa passou a ser de propriedade do governo Italiano e então foi aberta ao público e totalmente restaurada. Outra obra de restauração foi necessária depois da segunda guerra devido aos danos provocados por bombardeios. 

E devido a condições ambientais, obras de restauração são realizadas constantemente nos últimos 20 anos, para manter a Villa sempre magnífica!

Fonte: Wikipedia

TULIPAS VILLA D'ESTE - FOTO Ana Venticinque

TULIPAS VILLA D’ESTE – FOTO Ana Venticinque

Se você tem um dia sobrando no seu roteiro, ou se ainda não montou seu roteiro, sugiro que inclua Tivoli, é maravilhoso!!

Olha eu aí num momento relax, sentindo o barulhinho bom…das águas!!!!

10248692_812736328754396_1577680557_o

FONTANA DELL’OVATTO – FOTO Alvaro Venticinque

E até agora só falei da Villa D’este, veja também a Villa Adriana.

 

Tivoli

Como chegar:

De Trem: Pegue o Trem Regionale/Roma – Tivoli que saí da estação Termini, custa 2,60 euros e leva 00:59 minutos o trajeto. Chegando lá na estação pegue o ônibus 4 (é tipo um mini ônibus) ele passa pelo centro de Tivoli (onde você deve descer para visitar a Villa D’Este) e depois segue até a Villa Adriana. Veja mais detalhes no site da CAT.

IMPORTANTE: Não esqueça de validar os bilhetes nas maquininhas antes de entrar no Trem. Veja aqui como fazer.

E para bilhetes que foram comprados on line?

 

De Ônibus: pegue o Metrô linha B – direção Rebibbia, vá até a estação Ponte Mammolo. Lá você vai pegar o ônibus da empresa Cotral ( Roma – Tivoli ), que custa 1,30 euros e sai a cada 15 minutos. Compre o bilhete na lojinha que vende jornais, dentro da própria estação do metrô. Chegando a Tivoli você deve descer no ponto Largo Nazioni Unite/Piazza Garibadi. Depois caminhe uns 300 metros por dentro da cidade e você chegou. Se depois você decidir visitar também a Villa Adriana, a C.A.T. (transporte urbano local de Tivoli) oferece 3 linhas de ônibus que partem do Centro,  4, 4 X, veja mais detalhes no site da CAT.

 

Tour Privativo: Se está em mais pessoas e prefere um pouco de conforto! Você pode contratar um passeio privado com motoristas que falam português. Um passeio com duração de 6 horas partindo de Roma e retornando a Roma. Veja mais sobre este serviço. 

 

Ou ainda se preferir aluguel um carro por um dia e vá curtindo a estrada… Eu adoro viajar de carro!

A Rentcars é uma empresa parceira do blog e oferece ótimas ofertas das melhores locadoras, com ótimos preços. Dá uma conferida.

 

Horários de entrada:

De Novembro a fevereiro: das 8:30 as 16:00h (saída até as 17:00h)

Março: das 8:30 as 17:15h (saída até as 18:15h)

Abril:das 8:30 as 18:30h (saída até as 19:30h)

De maio a agosto: das 8:30 as 18:45h (saída até as 19:45h)

Setembro: das 8:30 as 18:15h (saída até as 19:15h)

Outubro: das 8:30 as 17:30h (saída até as 18:30h)

Fecha às segundas – feiras

 

Preços:

8 euros – bilhete inteiro

4 euros – bilhete reduzido (para cidadãos da comunidade europeia entre 18 e 25 anos ou para todos os menores de 18 anos sempre com apresentação de documentos)

Grátis: no primeiro domingo de cada mês.

Se você quiser um áudio-guia custa 5 euros, retire logo na entrada. 

 

Dias de sol inspiram…passeios ao ar livre.

Veja outras opções de passeios ao ar livre e Bate e Volta?

Villa Pamphili

Ostia Antica

Giardino degli aranci 

Bate e Volta Bracciano

Bate e Volta Frascati

 

Está vindo pra Roma? Algumas dicas pra você antes de viajar:

Reserve aqui o seu Transfer privativo com uma empresa que tem mais de 20 anos de experiência e chegue tranquilamente até o seu hotel.

Compre aqui seus ingressos antecipados para o Coliseu, Museus do Vaticano, Galleria Borghese e evite as longas filas.

Contrate aqui o seu Seguro Viagem através da Real Seguros que te dá um comparativo das melhores empresas seguradoras e ainda oferece ótima condições de pagamento e descontos.

 

Booking.com é um parceiro do Blog VoupraRoma, sempre que fizer a sua reserva de Hotel entrando através do blog no Booking.com você não paga nada a mais por isso, pois será direcionado ao site oficial do Booking.com e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado, pois o Booking.com nos passa uma pequena comissão. Vale para qualquer viagem, em qualquer lugar do Mundo. Agradecemos! 


Booking.com

Visite Tivoli! Conheça Villa D’Este e Villa Adriana, duas visitas imperdíveis pertinho de Roma!

4 comentários sobre “Tivoli, bate e volta pertinho de Roma

  1. mara

    olá, tudo bem?
    Vou seguir suas dicas, para ir a Tivoli, amanhã, mas fiquei com a seguinte dúvida.
    Vou fazer as duas Vilas, portanto, vou cedo: vila d’este está ok, o problema é para a vila adrianna
    Eis as perguntas:
    Desço na praça Garibaldi, vou pra vila d’este. Tenho q voltar de lá para a praça Garibaldi, pra pegar o taxi pra vila adriana?
    Pra voltar da Vila Adriana para pegar o ônibus de volta pra Roma, é facil?
    Há pontos de táxi na Vila Adrianna, ou tenho q combinar com o taxista q me levou lá, para q me busque?Isso é seguro? Os táxis são da cor branca, como os de Roma? São seguros?
    Dá pra eu fazer a Vil d’ este, pela manhã, voltar para a cidade para almoçar e depois visitar a Vila Adrianna
    Sei q está em cima, mas quem sabe tenho sorte de vc identificar minha mensagem e responder em tempo.
    Aguardo e agradeço
    Mara

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá,
      Somente agora vi sua mensagem.
      Veja esta indicação de táxi na Piazza Garibaldi, e já combine com o taxista de te pegar novamente na Villa Adriana, é mais seguro. http://www.tuttocitta.it/taxi/tivoli
      Ou a outra opção é ir até a estação ferroviária de onde parte o ônibus CAT 4 e te deixa a 300 mtos da Villa Adriana, diga ao motorista que deve ir á Villa Adriana,
      Bom passeio

  2. Clavius

    Estive em Tivoli há muitos anos, em 94. Mas este ano retorno à Roma com minha esposa nos dias 11 a 15 de março. Por ser final de inverno você indica a visita?
    Obrigado!
    Clavius

    1. Anna25 Autor da Postagem

      Olá Clavius,

      Se for um dia ensolarado acho que vale a pena sim pois a Villa D’este e Villa Adriana são lindas, claro que na primavera e verão é mais bonito sim, pois é tudo florido. Mas,antes de ir é bom se informar para saber se tem alguma fonte importante em restauração. Quando estiver mais perto se quiser me mande uma mensagem e te passo a informação, ok.
      Obrigada por seguir o blog e se ainda não curtiu a nossa página do Facebook te espero por lá. http://www.facebook.com/voupraroma
      Ana

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>